Resenha: Seduzida Por Um Guerreiro Escocês (Montgomery e Armstrong #1) - Maya Banks

17 julho 2017


Eveline Armstrong é imensamente amada e protegida por seu clã, mas as pessoas a consideram diferente, pois apesar de ser linda e encantadora, a moça sofreu um acidente que lhe causou sequelas não só psicológicas, mas também físicas, visto que ela ficou surda. Satisfeita com sua vida reclusa, ela aprendeu a ler lábios e permitiu que o mundo a enxergasse como uma tola. Contudo, quando um casamento arranjado a torna esposa de Graeme Montgomery, integrante de um clã rival, Eveline aceita seu destino - despreparada para os deleites que viriam. Enredado pelos mistérios de Eveline, cujos lábios silenciosos são cheios de tentação, Graeme vê seu casamento ameaçado devido às rivalidades entre clãs e agora deverá enfrentar inúmeras adversidades para salvar a mulher que lhe despertou tanto amor.

Edição: 1
Editora: Universo dos Livros
ISBN: 9788550300023
Ano: 2016
Páginas: 415



Olá pessoas, eu sumi daqui um pouquinho, desculpem. Final de período é sofrido pra universitário e tive que fazer uma animação, mas já acabei e estou aqui firme e forte novamente.

Hoje eu trago para vocês a resenha do volume 1 da trilogia Montgomery e Armstrong - Seduzida por um Guerreiro Escocês da Maya Banks. Eu comecei a leitura dessa série pela contra mão, li o segundo livro antes do primeiro e por isso quando comecei essa leitura eu já tinha ideia do que veria pela frente, mas nem isso diminuiu a graça que eu tive na leitura. 


Nessa série a Maya busca dar o protagonismo a mulheres fortes e que sofreram algum tipo de abuso. Eveline é a jovem filha do Laird Armstrong que todos consideram como louca, após ter sofrido um grave acidente, o que eles não sabem é que ela não é louca, apenas perdeu a audição, só que preferiu assumir a loucura que todos imaginavam para se proteger do jovem a quem estava prometida que lhe ameaçava com um relacionamento abusivo. 
Após assumir essa personagem Eveline acreditava que estava protegida e que permaneceria na casa dos seus pais para sempre, mas toda essa paz foi quebrada, com a chegada de um mensageiro do rei que trouxe a noticia do seu casamento. O rei cansado das sangrentas batalhas entre os clãs Montgomery e Armstrong resolveu unir esses dos povos, que são inimigos mortais, pelo casamento entre Eve e Graeme, o laird dos Montgomery.

Nenhum dos dois lados acreditam que saíram ganhando com essa decisão do rei. De um lado os Armstrong acreditam que o rei os fez enviar a filha "doente" ao inimigo, como um cordeiro em holocausto e os Montgomery acreditam que o rei condenou Gaeme a não ter descendentes,uma vez que o fez se casar com uma mulher louca. 
Ambos estão errados, mas só o tempo os permitirá ver isso.



Eu gostei bastante da Narrativa da Maya, como mencionei anteriormente é  muito legal que ela tenha colocado o foco do seu livro em mocinhas que de alguma maneira sofreram bastante. 
Eve é uma personagem forte e bem determinada, em momento algum do livro a sua deficiência nos permite imagina-la como uma personagem mais frágil do que ela realmente é.
Graeme é um mocinho sério, protetor e
Quando chega no clã inimigo que torna-se o seu lar, ela tenta de todas as formas conquistar a confiança das pessoas, e não consegue. Em compensação ela consegue cativar o seu marido rapidamente e a conexão entre eles se firma rapidamente, de forma que ela encontra na figura dele um protetor, entre pessoas hostis. Ao longo da narrativa o relacionamento entre eles se consolida e eles vão descobrindo mais um do outro e se apaixonando aos poucos.
Além de todo o romance e problemas relacionados a convivência da protagonista no seu novo clã a autora nos brinda com uma forte trama de ação e batalha épicas.

Como eu li os livros em ordem diferente, vou fazer nessa resenha as comparações, ambas as tramas são complexas e bem construídas e uma complementa a outra, uma vez que ambas partilham o mesmo vilão. Eu gostei muito das duas mocinhas, mas Genevieve me cativou mais profundamente, porque acho que o sofrimento dela foi mais intenso e acabou me despertando mais empatia.
Enfim, essa é uma série que eu tenho curtido muito e mal vejo a hora de fazer a próxima leitura. 

A Edição da Universo dos Livros está linda, eu gostei muito da capa desse volume, a diagramação proporciona uma leitura agradável e ao longo da leitura não percebi erros de revisão. Recomendo muito a leitura.

Beijos e não deixem de deixar as suas opiniões nos comentários. ♥

12 comentários:

  1. Hummm o que me desanima é por ser série, gostei muito do enredo e de sua opinião.

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Sou suspeita para falar, pois adoro a escrita de Maya Banks. Neste livro, ela se superou. Fui totalmente conquistada pela história e os personagens. Eveline é incrível e Graeme apaixonante. Com certeza uma ótima leitura.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Oii Kris tudo bem?
    Eu não conhecia a obra e nem a autora, fiquei feliz de encontrar a resenha por aqui em blog, eu que não sou muito acostumada a ler romances de época fiquei bem interessada, estou começando aos poucos e me apegando a livros assim, ótima resenha e lindas fotos.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Ainda não tive nenhum contato com a escrita da Maya, mas a grande maioria de seus livros estão na minha lista de leituras (preciso tomar vergonha na cara e desafogar essa lista!).
    Achei muito legal o foco da autora em moças que sofreram e tornaram-se mulheres fortes e determinadas. Eve apresenta tais características e só por isso já me interesso muito pela leitura da obra. Sem contar essa capa que é simplesmente maravilhosa.
    Amei conhecer suas impressões sobre o livro e só me deixou mais animada para entrar de cabeça na leitura da série.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  5. Oiê!
    Menina, acho teu blog uma arraso de lindo! *___*
    Já li um romance dessa autora, não me lembro o título, mas não gostei tanto assim dele, esse parece ser interessante por causa da perspicácia da protagonista, ela parece ser uma mulher interessante.
    Bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem? Achei essa capa muito linda e a história muito parecida com uma versão de Romeu e Julieta que li, onde os protagonistas se casam para acabar com a guerra entre as famílias. Gosto de histórias assim, obrigada pela dica. beijos.

    ResponderExcluir
  7. Gostei bastante da sua resenha, a história parece ser tão boa quanto. A capa do livro está linda! Beijos ♥

    www.aventurasliterarias.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi Kris, peguei uma promoção deste livro e já comprei logo os dois. Não vejo a hora de ler. Adoro quando a protagonista mostra sua força, não sendo aquelas que esperam pelo socorro. Curiosa para ver como os dois perceberam que estão errados sobre um ao outro.
    Bjs Rose

    ResponderExcluir
  9. Oi, Kris!
    Começar pelo volume errado de uma série, quem nunca? rsrs Até hoje ainda tenho uma série na estante cuja leitura só fiz do quarto volume porque a vendedora falou que era o primeiro para a minha mãe, e eu li sem antes procurar saber disso, complicado, rs
    Essa série está mesmo recebendo muitos elogios, principalmente pelas mocinhas fortes. Particularmente gosto de tramas que abordam personagens que sofreram algo ou que tem algum tipo de deficiência, como a auditiva nessa protagonista, e fico sinceramente instigada a leitura, mas receosa porque não curto essa vibe mais hot dos romances dessa autora, então provavelmente vou continuar a passar para frente a dica, mas que bom que você gostou, mesmo lendo fora da ordem. Espero que goste do próximo volume!
    Beijos!

    ♥ Sâmmy ♥
    ♥ SammySacional.blogspot.com.br ♥

    ResponderExcluir
  10. Nossa, que dureza, receber a ordem do rei para se casar e ainda no clã inimigo... Fácil, né, usar os outros pra selar a paz... Ainda bem que ele acabou unindo um casal que se deu bem junto, porque né, muita tirania... Hehe... Adorei ela ter visto que se fingindo de louca poderia se livrar do relacionamento abusivo que queriam lhe impor... Não consigo nem imaginar como era ser mulher nessa época e talvez por isso não curta muito o gênero, os enredos normalmente não me prendem.

    ResponderExcluir
  11. Oi Kris!
    Conheço a Maya Bans já faz um bom tempinho por conta de seus romances eróticos. Gosto da narrativa dela, que é sempre bem fluida, e me interessei demais quando a Universo dos Livros lançou esse primeiro livro. A capa linda e a história me chamaram muito a atenção. Quando ele foi lançado não existiam tantos livros com guerreiros escoceses (agora vamos nos preparar para a enxurrada) e ele traz todo esse enredo com clãs inimigos e tal. Parece ser muito bom!
    Quero muito ler, não só esse como os outros também.
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Oie
    muito legal sua dica, eu quero muito ler algo da autora pois tenho curiosidade de saber a escrita dela nesse gênero e gostei da resenha

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Seja Bem-Vindo,
Interaja conosco, é um prazer poder saber a sua opinião.


Deixe seu link que retribuiremos a visita.
Não serão aceitos comentários ofensivos ou de span.

Volte sempre ♥