Resenha: Romance com o Duque - Tessa Dare

17 agosto 2016



Edição: 1
Editora: Gutenberg
ISBN: 9788582353653
Ano: 2016
Páginas: 256
Tradutor: A C Reis
Sinopse: Izzy sempre sonhou em viver um conto de fadas. Mas, por hora, ela teria que se contentar com aquela história dramática.
A doce Isolde Ophelia Goodnight, filha de um escritor famoso, cresceu cercada por contos de fadas e histórias com finais felizes. Ela acreditava em destino, em sonhos e, principalmente, no amor verdadeiro. Amor como o de Cressida e Ulric, personagens principais do romance de seu pai.
Romântica, ela aguardava ansiosamente pelo clímax de sua vida, quando o seu herói apareceria para salvá-la das injustiças do mundo e ela descobriria que um beijo de amor verdadeiro é capaz de curar qualquer ferida.
Mas, à medida que foi crescendo e se tornando uma mulher adulta, Izzy percebeu que nenhum daqueles contos eram reais. Ela era um patinho feio que não se tornou um cisne, sapos não viram príncipes, e ninguém da nobreza veio resgatá-la quando ela ficou órfã de mãe e pai e viu todos os seus bens serem transferidos para outra pessoa.
Até que sua história tem uma reviravolta: Izzy descobre que herdou um castelo em ruínas, provavelmente abandonado, em uma cidade distante. O que ela não imaginava é que aquele castelo já vinha com um duque


          Olá Leitorxs, olha eu aqui mais uma vez trazendo pra vocês a resenha de um romance de época. Esse é um gênero que eu tenho lido muito e a cada livro que leio, mas me apaixono por ele. Romances históricos são um vício que eu trouxe da adolescência e não consegui me livrar dele até hoje (espero que nunca consiga) e a cada nova autora do gênero que eu conheço, mais eu quero conhecer. É sempre maravilhoso poder ver essas mulheres rompendo os padrões sociais e de beleza num gênero tão nosso e que durante muito tempo alimentou muito machismo e já que esse tipo de romance é para entreter a nós mulheres nada melhor do que eles trazerem exemplos de mulheres lutadoras, donas de si e cada vez mais poderosas, mesmo que essa possa não ter sido a realidade da maioria das mulheres daquela época. Afinal nós sabemos que o que lemos é ficção.

               Romance com o Duque foi o meu primeiro contato com a escrita da Tessa, e como a frase da Julia Quinn na capa já predisse, eu me apaixonei. A História nos apresenta Izzy, ou melhor, Isolde Ophelia Goodnight uma mocinha bem diferente das que eu já conhecia, porque ela não corresponde a nenhum dos padrões da época. Izzy não é bonita, segundo ela própria nem bonitinha, já tem 26 anos o que na época a configura como uma solteirona e órfã de pai e mãe e não tem ninguém no mundo, ficando na rua da miséria quando o pai morreu. A única coisa que ela tem a favor de si é uma legião de súditos inusitados, uma vez que é a filha do  autor da série de romances de cavalaria mais famoso da Inglaterra, Os Contos de Goodnight, onde também é uma personagem, a menininha para quem o pai conta a história para que ela durma. Até que um dia Izzi é surpreendida por uma carta, de um tal senhor Archer, lhe informando que o seu padrinho O Conde de Lynforth faleceu e lhe deixou uma herança e a indicando a procura-lo num tal Castelo Gostley, para onde ela vai sem pensar duas vezes.
Eis aí mais uma razão para que Izzy seja uma personagem incomum, ela não tem nada a perder, pois ela já perdeu tudo.

      Quando ela chega ao tal castelo percebe que o lugar encontra-se deteriorado e surpreendentemente ela não encontra o tal senhor Archer, mas um homem magnifico e misterioso, com uma grande cicatriz no rosto. Algum tempo depois ela vem a descobrir que esse é o Duque de Rothbury a quem o castelo deveria pertencer, mas não demora muito a perceber que há algo errado com aquele homem. Quando o tal senhor Archer aparece ela descobre que a herança que o seu padrinho a deixou é o castelo, só que o duque diz nunca ter o vendido e é a partir daí que a trama começa a se desenrolar, pois o duque foi para aquele lugar em busca de solidão e companhias femininas não eram esperadas, mas Izzy não cogita ir embora, pois ela nem teria para onde ir. Então você pode imaginar que muita coisa vai acontecer a partir daí, né? Mas vocês vão ter que ler pra descobrir.

               Como eu já falei amei a leitura, a escrita da Tessa é muito gostosa, engraçada e sensual. A narrativa se desenvolve de uma forma tão natural e envolvente que não sentimos nenhuma vontade de largar o livro. Os personagens são cativantes e muito bem desenvolvidos, Izzy é uma personagem muito boa, complacente e resiliente em vários momentos, mas nem por isso ela é submissa ou fraca, bem pelo contrário ela é dona de uma paciência incrível e é capaz de vencer suas batalhas pelo cansaço. Ranson, o duque, é um homem ferido, física, moral e sentimentalmente, dono de uma personalidade e um humor ácido, tenta afastar de si qualquer tentativa de si qualquer tentativa de proximidade e acaba encontrando um oponente à altura na teimosia de Izzy, ambos carregam seus traumas, seus segredos e seus receios. Eles se envolvem amorosamente aos poucos, porém a química entre os dois é notável desde o primeiro estante. Eu gosto muito de obras onde podemos acompanhar gradualmente o enlace dos personagens, onde os sentimentos não são instantâneos e inexplicáveis, e em Romance com o Duque nós vemos esse amor nascer.

"Estranho como contemplar a vastidão fez com que ela se sentisse menos solitária. Talvez em algum outro mundo, muito tempo atrás, ela tivesse feito parte de uma constelação."

                 Outro ponto da leitura que eu achei super interessante, foi o fato de dentro da obra literária conter outra obra literária e essa ter uma legião assídua de fãs, bem incomuns e isso nos proporciona diversos momentos de grande descontração durante a leitura. A parte sensual do livro também é bem gostosa, apimentada na medida certa, sensual, ousada, mas não vulgar, a Tessa soube medir suas cenas de modo a deixar no ar um gostinho de quero mais. Ela ainda soube permear a enredo com mistérios inesperados que realmente nos surpreendem quando os descobrimos.

                O Livro é o volume 1 da trilogia Castles Ever After, onde cada livro contará a história de uma das afilhadas do Conde de Lynforth que herdará um castelo e eu já quero ler todos. O Trabalho gráfico da Editora Gutenberg está maravilhoso, a capa do livro está linda, achei-a mais bonita do que a das edições estrangeiras, a diagramação também está ótima, apresenta belos detalhes, a tipografia usada é agradável, as folhas do livro são amareladas, proporcionando uma ótima experiência de leitura e não notei nenhum erro de revisão.

                Enfim, eu me envolvi com a leitura, me seduzi pelo casal, não pisquei durante o romance e também dei sonoras gargalhadas devido as personalidades super divertidas dos maravilhosos personagens. Por isso, recomendo a leitura para os fãs de romance histórico e não históricos também. Vale a pena ressaltar que a narrativa tem sim senas de sexo, por isso recomendo a obra para maiores, ou para os leitores que se considerem maduros o bastante para livros do tipo.

          Espero que vocês tenham gostado da resenha, e não deixem de deixar suas opiniões nos comentários. Beijos ♥

24 comentários:

  1. Olá
    tenho muita vontade de conhecer a escrita da autora, especialmente porque só leio comentários positivos a seu respeito. Seus comentários ficaram ótimos e me deixaram ainda mais motivada para conferir. Amo esse genero. Muito bom saber que faz parte de uma trilogia, porque já queto todos haha
    beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Olá
    Eu estou percebendo que o mercado editorial está investindo muito nesse gênero, você não acha? Ultimamente estou vendo diversos lançamentos. E sua autora tem se destacado muito rsrs, não li nada dela,mas pretendo ler a autora série dela, que me aprece bem atrativa. Gostei de sua resenha! Mas não foi nada que mudasse minha opinião! Até mais vê
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?
    Eu acho as capas dos livros dessa série maravilhosas. São tão glamourosas!
    Gostei da sinopse, inclusive e eu leria. Sua resenha empolgada só aumentou a vontade e concordo com você: livros que quebram padrão estético e dão mais autonomia às mulheres são para serem lidos mesmo e passados adiante. Ler um livro de época na atualidade em que a mulher está mais acordada e disposta a lutar pelos seus direitos é muito importante.

    Bjão.
    Diego, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Nunca li nada da autora e com certeza não foi por falta de indicações e elogios. Apesar de adorar romances, li pouquíssimos históricos e acho que quero entrar de cabeça neste gênero por esta serie. Acho que vou adorar, do primeiro volume ao ultimo!!! Espero poder fazer isso em breve.
    MEU AMOR PELOS LIVROS
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Olá Kris,
    Conheci esse gênero há um tempo e, desde então, ando viciada nele e quero ler tudo, mas faltam oportunidades. Romance com o Duque é um livro bem diferente e parece ser bem interessante pois a Izzy foge de todo o padrão. Achei muito legal ela ser órfã e filha de um escritor. Além disso, ela é uma personagem que não teme se arriscar, isso também me agradou muito.
    Gostei de saber que a série será composta pelas afilhadas do Conde.
    Dica anotada.
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  6. Não sou acostumada a ler romances, mas talvez leria esse livro. A capa é simplesmente maravilhosa! E amo livros onde a protagonista é uma mulher diferente, que rompe todos os padrões da sociedade. Sua resenha me deixou com uma vontade de quero mais...
    Gostei da parte que disse que deu altas gargalhadas, pois procuro livros que não são parados, só com romance, romance e romance.
    Confesso que compro e leio livros pela capa, e como já disse, essa me encantou!
    Aaaah, e como eu queria que essa frase fosse real: "um beijo de amor verdadeiro é capaz de curar qualquer ferida". Mas, infelizmente, sabemos que não é assim :/

    Beijinhos...
    Desencaixados

    ResponderExcluir
  7. Olá,

    Essa foi uma das primeiras obras da autora e confesso que gostei muito. Adorei a protagonista, que mesmo falida é incrivelmente otimista e persistente. Mas para mim, o mais cativante também foi o Duque, que com o seu jeito bruto acabou por se apresentar como um personagem muito apaixonante. Confesso que achei a história bem levinha e até previsível, mas gostei muito do que encontrei e fico feliz que você tenha apreciado também.

    Abraços
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  8. Olá!
    Eu adoro romances de época, mas nunca li nada da Tessa.
    Ainda não conhecia esse livro e fiquei bem interessada na premissa dessa obra! Adorei saber que os personagens são cativantes e bem desenvolvidos. Assim como você, eu também gosto de livros onde acompanhamos o desenvolvimento do relacionamento entre os personagens, odeio essa coisa "repentina" que vemos em alguns livros.
    Fiquei bem curiosa sobre a escrita da autora e essa narrativa envolvente.
    E já tenho certeza que irei adorar a protagonista, que rompe com os padrões impostos pela sociedade.
    Dica anotada!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Ola Kris lindona eu adorei a escrita da autora que conheci do segundo livro dessa série, ela mescla bom humor com personagens maravilhosos e acredito que esse primeiro livro da série seja maravilhoso, já gostei da personalidade da protagonista, e nosso mocinho parece estra abandonado. Com certeza irei ler, as capas estão lindas. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  10. Os romances de época tem sempre esta questão de a personagem ser mais velha e pode ser uma solteirona e aí aparecer algum homem que ama muitas mulheres e por aí vai,mas mesmo assim eu adoro demais estes livros porque de certa forma dão um romance lindo e cheio de encanto né. Eu nunca li nada da tessa, mas de outras autoras e essa saga está dando o que falar.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.blogandolivros.com

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Eu simplesmente amo romances de época! Eu não conheço ainda a escrita da autora, mas pelos elogios que você deixou imagino que seja muito boa mesmo. Adorei também de conter um outra obra literária dentro dessa! hahaha imagino que era uma coisa bem incomum na época em que se passa o livro.
    Beijos.
    http://arsenaldeideiasblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  12. Olá amore,
    Que lindeza de blog... amei!
    Já vi várias e várias resenhas dessa série, e não curto muito romances de época – não tenho paciência pra ler – mesmo você falando se tratar de uma leitura gostosa, engraçada e sensual.
    Mais... com tudo, com tudo... no final de sua resenha acabei mudando de ideia, e com vontade de ler...
    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  13. Olá.

    Eu estou louca para ler esse livro. Eu vejo várias resenhas positivas sobre e obra e não aguento de curiosidade. Agora lendo sua resenha fiquei mais curiosa ainda. E é bem verdade: Izzy é uma protagonista incomum. Eu li poucos romances de época e os que eu li sempre a protagonista tem alguma grana, família etc. Já essa é bem diferente. Agora fiquei mais interessada ainda hhahah Amei sua resenha! ♥

    Beijos!

    ResponderExcluir
  14. Hey!
    Se não me engano já li outra resenha desse livro e igualmente só vi comentários positivos. Parece ser realmente interessante, principalmente porque romances de época estão em alta hoje em dia. Aliás, assim como você, o que mais gostei foi o fato de falar sobre um livro no livro, eu adoro quando aborda esse tipo de tema, eu mesma estou escrevendo um com esse detalhe. Gostei bastante da resenha e espero poder me apaixonar com essa história em breve também.
    Um abraço!

    http://paragrafosetravessoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que gosto do gênero romance de época, mas ainda não me rendi à essa onda, só que li uma resenha sobre esse livro faz pouco tempo e fiquei animada com ele, pois achei a Izzy bem bacana e gostei dessa coisa do livro ter outra obra literária dentro. Além disso, fiquei feliz ao ver que a autora soube criar as cenas hots sem deixar vulgar, porque eu simplesmente odeio quando os autores vulgarizam para tentar passar algo sensual. Enfim, essa é uma leitura que acredito que me agradaria, por isso marquei a dica.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  16. Tessa tem um jeito todo envolvente e engraçado de contar suas histórias que certamente conquistam os leitores do gênero. Eu particularmente estou adorando esta série. Izzy é uma garota muito inteligente e forte, me ganhou logo de cara, ainda mais quando ironizava a si mesma. E o que foram aqueles súditos? Morri de rir.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  17. Oi Kris, td bem?
    Ultimamente ando gostando muito de romances de época (apesar de já ler a muito tempo aqueles de banca de época) mas enfim, percebo que a maioria tem sempre a mesma história clichê e confesso que isso irrita um pouco.
    Mas pela sua resenha deu pra perceber que esse da tessa é muito diferente dos outros que já li, e isso me animou bastante pra procurar os outros da autora.

    ResponderExcluir
  18. Oie!
    Eu ainda não li nenhum dos livros dessa autora, mas já comprei os exemplares. Espero conseguir ler ainda esse ano. Como a pilha está grande, ainda não consegui separá-los para começar, rs.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  19. eu tbm não costumo gostar muito de relacionamentos que ocorrem da noite pro dia, de maneira apressada, como já vi em alguns livros... legal a autora ter dosado bem isso na história... mas confesso que desanimei bastante de romances de época e ainda mais por ser série, já que ando dando preferência a livros fechados, tramas mais curtas [falta de tempo TT_TT]...
    enfim, parece ser uma leitura interessante aos fãs do gênero... bjs...

    ResponderExcluir
  20. Oi Kris. Que bacana sua história com romances de época vir desde a adolescência. Eu quando tinha uns quatorze anos amava esses romances que eu até comprava na banca de jornal. Hoje em dia é um gênero que não me atrai mais infelizmente é por mais que eu tente não consigo gostar. Mas fico feliz que tenha sido uma boa leitura para você e vou indicar para as minhas amigas que gostem do gênero..bj

    ResponderExcluir
  21. Olá, tudo bem? :)
    Nunca li nada da autor, na verdade não gosto muito do género, apenas dos livros da Carina Rissi, e nem de Orgulho e Preconceito eu gostei. Mas gostei de ler a sua resenha, muito bem escrita.
    Beijinhos
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  22. Oiii, tudo bom??
    Nossa, assim como você eu sou apaixonada por romances de época, Jane Austin é a minha favorita, que livro maravilhoso esse, eu com certeza vou procurar saber mais, ainda mais com isso da principal ser filha de um escritor famoso da época. Acho que dá um toque diferencial ao livro. Amei que você gostou e vou dar uma procurada nele
    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Oi Kris! Tudo bem?
    Amo livros de época, amo Tessa Dare e sou apaixonada por esse livro! Ela escreve maravilhosamente bem! Adoro o humor dos seus livros, o senso de hunor dela é único e não encontrei nada parecido em nenhuma outra autora! Bom! J´´a deu para perceber o quanto sou fã, não é!
    Bj

    ResponderExcluir
  24. Oi, tudo bem?
    Eu sou super suspeita de falar pois amo um bom romance de época, e apesar de não ter lido nenhum livro dessa série ainda, sua resenha me trouxe uma ótima proposta. Fiquei bem curiosa para conhecer os personagens que parecem cativantes e diferentes. Fiquei muito animada mesmo e espero uma hora dessas conhecer a série. Ótima resenha!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir

Seja Bem-Vindo,
Interaja conosco, é um prazer poder saber a sua opinião.


Deixe seu link que retribuiremos a visita.
Não serão aceitos comentários ofensivos ou de span.

Volte sempre ♥