Resenha: O Demonologista de Andrew Pyper

01 maio 2016


 Melhor não ler essa Sinopse! 
Edição: 1
Editora: DarkSide® Books
ISBN: 9788566636406
Ano: 2015
Páginas: 328
Tradutor: Cláudia Guimarães
Sinopse:"A maior astúcia do Diabo é nos convencer de que ele não existe", escreveu o poeta francês Charles Baudelaire. Já a grande astúcia de Andrew Pyper, autor de O Demonologista (DarkSide® Books, 2015), é fazer até o mais cético dos leitores duvidar de suas certezas. E, se possível, evitar caminhos mal-iluminados.
O personagem que dá título ao best-seller internacional é David Ullman, renomado professor da Universidade de Columbia, especializado na figura literária do Diabo - principalmente na obra-prima de John Milton, Paraíso Perdido. Para David, o Anjo Caído é apenas um ser mitológico. Ao aceitar um convite para testemunhar um suposto fenômeno sobrenatural em Veneza, David começa a ter motivos pessoais para mudar de opinião. O que seria apenas um boa desculpa para tirar férias na Itália com sua filha de 12 anos se transforma em uma jornada assustadora aos recantos mais sombrios da alma.
Enquanto corre contra o tempo, David precisa decifrar pistas escondidas no clássico Paraíso Perdido, e usar tudo o que aprendeu para enfrentar O Inominável e salvar sua filha do Inferno.
Este é um daqueles livros que você não consegue largar até acabar a última página, ainda que vá precisar de muita coragem para seguir em frente. O Demonologista ganhou o Prêmio de Melhor Romance do International Thriller Writers Award (2014), concorrendo com autores como Stephen King. Entrou em diversas listas de melhores livros de 2013, foi finalista do Shirley Jackson Award (2013) e do Sunburst Award (2014), chegou ao topo da lista dos mais vendidos do jornal canadense Globe and Mail e foi publicado em mais de uma dezena de países. 


Olá peoples :D

Hoje eu venho trazer pra vocês a resenha de mais uma leitura excelente que eu tive o prazer de fazer recentemente. O Demonologista, lançado há algum tempo pela editora DarkSide Books, foi uma leitura que me surpreendeu bastante e para o lado bom, apesar da história ter um final, que eu não seria extremista ao ponto de chamar de decepcionante, mas não posso me poupar de dizer que achei fraco. Porém a obra traz uma história original, em comparação a outros livros do gênero e uma narrativa sutil e de uma fluidez que nos envereda entre suas páginas nos impelindo a querer descobrir como a história de David irá acabar. 

David Ulman é um professor de literatura da universidade de Columbia, especializado na obra de John Milton, principalmente em O Universo Perdido, o que acaba impelindo os seus estudos para uma área de atuação que o faz estudar cada vez mais sobre autores que abordavam essa temática Sacra/Demoníaca e isso faz dele um demonologista. O mais interessante disso tudo é que ele estuda algo em que ele próprio não acredita.
A História começa no que pareceria ser mais um dia comum da vida monótona de David, até ele receber a visita de uma misteriosa mulher que lhe faz uma oferta tentadora para testemunhar um suposto "fenômeno" na cidade de Veneza na Itália. Inicialmente ele declina do convite mas a partir daí uma cadeia de acontecimentos drásticos o levam a acabar embarcando nessa viagem com a sua filha de 12 anos e lá ele se vê diante de uma entidade que o faz embarcar numa sombria viagem na tentativa de salvar o que há de mais precioso na sua vida.

Primeiro eu quero ressaltar que eu acho que a sinopse oficial conta demais, e há coisas nela que seria melhor ao leitor descobrir ao longo da leitura do que lendo a sinopse. Eu li o livro meio que às cegas em termos de saber o seu conteúdo e eu acho que foi por esses motivos que eu curti tanto a leitura. O Andrew se vale de vários elementos que são sucesso garantidos pro gênero, como o uso de crianças, jogos mentais, locações sombrias e é claro as várias referências a clássicos.
Eu gostei muito do estilo da obra que nos faz oscilar entre a realidade e o delírio, por vezes me vi pensando se era realmente uma questão sobrenatural, ou se estávamos presos no delírio do personagem. A obra aterroriza, sim, mas é um terror sutil, acredito que a narrativa vise mais questionar o leitor e faze-lo re-pensar em suas convicções, que amedrontar.

Como eu já mencionei a escrita do livro é muito fluída, tanto que ele pertence a uma das poucas leituras que eu fiz de um ebook, por isso também eu não posso passar mais informações do livro no formato físico, mas posso ressaltar que mesmo em formato mobi, a edição está muito bonita.
Em suma, eu gostei muito da leitura da obra, da escrita do autor e da temática abordada para a trama, assim como ela foi desenvolvida. O livro chega a vários clímax incríveis durante a narrativa e talvez tenha sido por isso que a opção do autor por um final que beira o simplório não tenha me agradado de todo. Sem dúvidas recomendo a leitura.
É impossível fazer a leitura de O Demonologista e não pensar na obra como um filme e inclusive já houveram especulações de que o filme receberia essa versão cinematográfica, mas infelizmente de 2013 pra cá não se teve notícias. Fico nessa torcida pra ver essa obra nos cinemas.

Espero que vocês tenham gostado da resenha.
Já leram a obra ou tem interesse em fazer a leitura?
Nos contem nos comentários.
Beijos.

26 comentários:

  1. Oi Kris, tenho muita vontade de ter esse livro em minha estante haha acho essa edição linda. Mas a história também chama muito a minha atenção, especialmente por conta do gênero. Sua resenha mostrou perspectivas que eu ainda não conhecia. Mas acho que também imaginaria as coisas como num filme.
    beijos Fer

    ResponderExcluir
  2. Faz tempo que eu quero ler esse livro. Ultimamente eu tenho lido os livros sem nem ver a sinopse porque acaba acontecendo muito isso de a sinopse revelar demais (No meu livro eu cai nessa também, acabei fazendo uma sinopse grande e reveladora, mas aprendi, na segunda edição a sinopse vai mudar). Eu gostei muito de ver a sua opinião sobre esse livro. Como sempre, sincera e sem dar spoiler.

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?
    Apesar dos elogios feitos a obra, eu não tenho vontade de lê-lo. Já vi também outras pessoas elogiando, mas não me sentir atraída. Que bom que gostou da narrativa e do enredo. É uma ótima dica para quem curte livros nesse estilo.

    ResponderExcluir
  4. confesso que não me atrai pela sinopse, muito menos pelo nome. Não sei, não faz muito o meu estilo.

    www.adocic.com.br

    ResponderExcluir
  5. Olá Kris,
    Adorei sua resenha. Tenho vontade de ler esse livro há muito tempo, mas sempre adio a leitura, pois via como uma obra que demandaria muito tempo. Pelo visto, estava redondamente enganada. Gostei de saber que a leitura flui e que o livro tenha vários clímax ao longo dele.
    Com toda a certeza, é uma leitura que darei chances em breve.
    Parabéns pela resenha!
    Beijos,
    Um Oceano de Histórias

    ResponderExcluir
  6. Apesar da ótima resenha, eu não colocaria esse livro na minha lista de leitura haha eu não sou grande fã do gênero terror, porém a temática psicológica me deixa intrigada. E sobre sinopses que mas parecem resumos, já tive esse desprazer também, as vezes o autores se empolgam em querer atrair os leitores e falam demais rsrs
    persuasaoliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oiee ^^
    Fico feliz em saber que a história é original :) Eu ainda não conhecia esse livro, e confesso que não fiquei muito curiosa para lê-lo, a premissa dele não me chamou a atenção, e não é bem o tipo de livro que eu curto, sabe? Fico feliz em saber que o autor acertou em alguns pontos, mas é uma pena que outros tenham ficado simples demais.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. O gênero literário me chama atenção apesar de não acreditar no diabo da maneira como que ele se personificou com a o passar da evolução se transformando em algo real para muitos rsrsr, mas gosto o terror o medo que ele causa nas pessoas, e o livro parecer ter trechos interessantes... Quando eu tiver um tempinho quem sabe eu o leia!
    ✡✡Blog Encantado: Atellier Com Mãos de seda ✡✡

    ResponderExcluir
  9. Desde o lançamento que estou louca pra ler este livro. Adoro esse tema e queria conhecer a editora também. Fiquei ainda mais curiosa depois da resenha!
    boa semana :)

    Red Behavior

    ResponderExcluir
  10. Ja vi varios elogios sobre esse livro, mas eu não curto o gênero. Acho que superestimar o diabo é um erro tao grande quanto nao acreditar nele e nao consigo ver esses livros de forma diferente, as vezes me parece que os autores de terror o superestimam...
    sigolendo.com.br

    ResponderExcluir
  11. Ótima resenha!
    Esses livros da dar Side tem sido sucesso né? Eu não leria este, não curto o gênero, mas dei ele de presente ao Elileudo Junior do blog Interessante de Ler, ele tava louco nele, hahahahahah
    Só de imaginar o que contém nessas páginas com uso de crianças e jogos, já me dá calafrio, rs

    www.detudopouco.com.br

    ResponderExcluir
  12. esse é um dos títulos que tenho vontade de ler da Darkside... fiquei empolgada em saber que ele faz referência ao livro de Milton [tenho ele na estante há séculos mas não peguei ainda por ser em verso, necessita muuuuita calma pra ler hahaah]
    já tinha ouvido falar no final meio insatisfatório mas quero ler mesmo assim...
    bjs, Kris ^^

    ResponderExcluir
  13. Oiii!

    Eu não conhecia esse livro e ultimamente os trailers, sinopses e afim estão sempre contando demais, por isso eu tento fazer uma menos chamativa.
    Pq eu acho que sim, tira o brilho da obra.
    Gostei muito da sua resenha, mesmo não sendo o meu estilo literário favorito.
    PS: Estou tão viciada em ler em e-books que não consigo mais ler livros físicos.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  14. Oi Kris, tudo bem?

    Acho que essa é a primeira resenha que leio do livro, e parece ser um livro bastante interessante, também gosto desses livros de terror mais sutil, que visa mais nos questionar, do que aqueles sangrentos que no final não passa disso. Que pena que com todos esses clímax, o autor optou por um final simplório e que deixou um pouco decepcionada... mas no geral, parece ser um bom livro... e só posso imaginar que a diagramação está incrível, como todos os livros da Darkside.

    Acho tão chato isso das sinopses que revelam demais, que bom que você avisou!!

    Beijinhos,

    Rafaella Lima || Vamos Falar de Livros?

    ResponderExcluir
  15. Olá!! :)

    Fico curioso, nunca tinha ouvido falar.. Adoro esses climax e tudo o mais que referiste do livro! :) Parece mesmo fazer o meu genero, vamos ver.. :)

    A verdade e que existem sempre aqueles livros que nos pensamos: ele dava um toima filme.. E foi o caso, nao e verdade= :) ahah

    Boas leituras!! ;)
    no-conforto-dos-livros.webnode.com

    ResponderExcluir
  16. Ola, tudo bom?
    Ja li muitos comentários ótimos sobre esse livro, mas nunca tive vontade de ler,não é meu gênero preferido.
    Ótima resenha :)
    Abraços ;)

    ResponderExcluir
  17. Nunca sei pronunciar o nome desse livro sem ler ele, hahaha. Se eu fosse em uma livraria e pedisse por ele estaria ferrada.
    Eu gostei bastante da trama, tem um toque sombrio que eu gosto. Que pena saber desse final, decepciona quando a obra é muito boa e tem um final ruim né?
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    Não conhecia a obra acredita? Mas ela tem algo que me chama atenção. Gosto de obras um pouco góticas e essa traz um terror que nos deixa loucos para conhecer.

    ResponderExcluir
  19. Eu gosto de obras que me fazem questionar se o que estou lendo é realmente o que está acontecendo com o personagem ou apenas um delírio, um sonho etc. Adoreeei sua resenha!! Tinha lido umas bem negativas sobre o livro, mas depois da tua voltei a animar a ler O Demonologista. Espero gostar :D
    Beijos

    ResponderExcluir
  20. Oii,

    Estava bastante curiosa em saber sobre a história desse livro, e tenho um desejo em lê-lo. E com a sua resenha fiquei bem mais interessada em ler o livro. Ah! concordo com o que disse em ler o livro a cegas, parece que a leitura fica mais gostosa de ser quando não sabemos do que se trata.

    beijos

    ResponderExcluir
  21. Eu acho incríveis as edições da Darkside, porém seus títulos não me interessam muito pois o gênero terror nunca me dá leituras satisfatórias e fico esperando um algo a mais que não vem, esse em questão eu não leria principalmente agora ao saber que a sinopse já conta tudo e me fez perceber que realmente o livro não é para mim.

    http://deiumjeito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  22. Acho que vou adorar essa leitura! Li resenhas um tanto decepcionadas, mas prefiro acreditar em quem conseguiu "sentir a obra" como você, flor. Parece que o autor conseguiu trazer à tona temáticas pesadas de um jeito que prende a atenção do leitor. Narrativas assim, cheias de suspense, me encantam. Ah, e o livro é lindo! Haha. Dá vontade de adquirir só para ter na estante. P.S. Que pena que a sinopse conta demais... eu já a li. :(((

    Beijos!
    www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
  23. Olá!

    Estou com esse livro para ler no meu celular a algum tempo, a sinopse me deixou bem curiosa de inicio, mas sempre fiquei empurrando a leitura. Agora depois de ler sua resenha estou com mais vontade ainda.

    http://soubibliofila.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  24. Oi Kris, tudo bem?
    Menina, eu sou uma cagona por natureza, não deveria passar nem perto desse tipo de livro, mas quem disse que eu tenho bom senso? kkkk

    Eu pedi esse livro de presente num amigo x literário que participei, mas ainda não li e acho que depois de ler sua matéria acho que estou ainda mais sem coragem de ler. kkkk Não porque sua resenha ficou ruim, muito pelo contrário, ela trouxe bem a proposta do livro e isso me deu arrepios. haahaha
    Mas a capa e a edição da Darkside ficou tão perfeita, né? Não resisti. kkk

    Parabéns pelo trabalho.

    Ingrid Cristina
    plataformatresquartos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  25. A Darkside tem arrasado nas publicações e agradado muito os fãs do estilo. Sempre vejo resenhas positivas sobre os livros da editora, mas eles não são o meu estilo de leituras, então sempre passo as dicas.
    Que chato isso de a sinopse contar demais. Eu não costumo ler as sinopses por causa disso - vira e mexe tem uma com mais spoilers do que outra coisa...rs
    Pena que o final não foi aquilo tudo que você esperava.
    Beijinhos,
    Lica

    ResponderExcluir
  26. Um livro que super me indicaram pra ler e ter na instante aliás sua edição que a Darkside trouxe esta impecável, vi o filme O Ritual dirigido por Mikael Hafstrom teve estreia no ano de 2011, assim que li a sinopse do livro achei a história parecida, enfim... A Darkside esse ano trouxe um livro "Condenados" do mesmo autor de "demonologista", quero ler os dois, vou ver se paro de enrolar e compro logo os livros
    http://estanteparalela.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Seja Bem-Vindo,
Interaja conosco, é um prazer poder saber a sua opinião.


Deixe seu link que retribuiremos a visita.
Não serão aceitos comentários ofensivos ou de span.

Volte sempre ♥