Resenha: Estórias Gerais, Wellington Srbek e Flavio Colin #poisonousbloggerschallenge2016

02 fevereiro 2016



Ficha Técnica
Editora: Conrad
Edição: 1ª
Ano: 2007
ISBN: 9788576162551
Páginas: 160
Classificação:4/5
Sinopse: No Sertão das Gerais dois bandos se enfrentam ferozmente em plena década de 1920. De um lado, Manuel Grande; de outro, Antônio Mortalma - talvez o Demo em pessoa. A um jovem jornalista caberá a tarefa de desvendar a história por trás do mito. Mas lenda e realidade se misturam e se confundem a todo momento em Estórias Gerais.


Oi povo. Hoje vou resenhar um livro que eu escolhi por conta do desafio Poisonous Bloggers, que nós e as meninas do Poesia na alma e Torpor Niilista criamos pra podermos brincar neste ano.

O desafio de janeiro, criado por esta que vos fala, era o "Jesus de Genésio" que consistia em ler algo de um autor que você não pudesse pronunciar o nome.
Eu pensei em vários, mas quando vi este na estante, não tive dúvidas.
Se você tá sabendo pronunciar Srbek, meua mô, me manda um áudio A G O R A, que eu não tô sabendo lidar. Huahahuahahuahuahuahahauahahau

Gente, tô fazendo gracinha porque na verdade não tô dando conta dessa HQ não.
Pesadíssima, como pode se esperar de um relato do Brasil. Se hoje lidamos com casos de machismo, racismo, e violência generalizada, o que é apresentado nos desenhos deste quadrinho é ainda mais forte.

Com uma linguagem bastante regionalista, quem não está acostumado a uma escrita fora da linguagem padrão culta, pode estranhar.
Não se engane com essa roupagem lúdica. Apesar do formato de quadrinhos, o traço alegre, quase uma xilogravura de Flávio Colin, se presta a um relato muito cru de uma história brasileira bastante violenta.
Um patriota dos quadrinhos, Flávio tensiona trazer o Brasil ao quadrinho brasileiro, o que consegue com primor.
É possível se sentir na atmosfera da época através do traço duro do artista.
Fiquei muito feliz de finalmente ler esta obra que há tempos me espera na estante.
Já tô amando esse desafio.

Ah quase esqueci de dizer que o quadrinho recebeu uma nova edição dessa vez pela Editora Nemo e vocês podem conferir Aqui.

E vocês? Tão em algum desafio literário esse ano? Que autor você gosta mas não consegue pronunciar o nome de jeito nenhum?
Falem comigooo. Eu tô carente. Hauahaua.

Beijos

18 comentários:

  1. Acho que se eu fosse cumprir esse desafio leria algo do Dostoiévski, porque porra, que nomezinho bizarro! hahahaha
    Sobre o quadrinho: acho que até hoje ainda não li nenhuma HQ brasileira que não seja da turma da Mônica ou coisas do gênero :( Preciso mudar isso urgentemente, até mesmo porque venho buscando realmente ler mais obras nacionais, pra dar valor aos artistas da nossa terrinha, rs

    http://magoevidro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, Dostoiévski é bizarro, mas é todo famosão, e a gente aprende a falar o nome, meio capenga mas aprende. Eu queria um impronunciável. Huahahuahahuahuahuahahauahahauahauahahuahauahauahauahauahauahauahauahauahauahahahahahauahauahauahauahauahahahauahauahauahahahahahahahahahuahauahauahauahajhuahauahauahauahauah

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  2. Olá, tudo bom?

    Muito boa a sua resenha. Ultimamente estou tentando ler mais histórias em quadrinhos, pois percebi que era um formato que parei de ler durante uns anos. Esse parece ser bem interessante, mas não faz muito o meu estilo. Uma pena, pois parece ser realmente bom :(

    Obrigada pela dica, mesmo assim!

    Beijos.

    http://instantesmemoraveis.blogspot.com.br/

    P.S.: E eu que pensei que tinha um nome difícil u_u hahahaha

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bem?
    Bem interessante e diferente esse desafio!
    Não achei o nome do autor que você escolheu tão difícil, mas não sei se tô pronunciando certo...rsrs.
    Achei interessante o fato dessa HQ abortar temas mais pesados e sobre o nosso país.
    Não sei se é o tipo de leitura que estou querendo no momento, mas fica como dica de qualquer jeito...

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  4. Oi, tudo bem?
    Tentei pronunciar o nome desse cara, mas com certeza falhei vergonhosamente aqui. hahahaha Adorei o desafio! Não estou participando de nenhum desafio literário este ano. Acho que se fosse participar desse, escolheria Leo Tolstoy, pois nunca li nada dele, mas sempre me disseram que é ótimo e não faço a menor ideia de como se pronuncia esse sobrenome. Gostei do quadrinho que você mostrou, já li alguns livros que se passam nesse contexto de disputas no sertão. A questão social tratada na história também me atraiu. Obrigada pela dica! Beijos! ^-^

    ResponderExcluir
  5. Olá
    Nossa realmente esse nome é bem complicado e se vc acho alguém pra dizer me manda o áudio também rsrs. Eu vi esse projeto em outro blog e a pessoa escolher Veneno da Saga encantado. Espero poder conhecer esse HQ, pois adorei as suas considerações e ressaltar o machismo presente no livro. As imagens de dentro então bem linda. ♡♡
    Bjks

    ResponderExcluir
  6. Olá!
    Essa HQ pareceu ser mesmo pesadíssima e, por isso, não quis ler :(
    Eu ainda não conhecia esse desafio, mas achei o nome do autor impronunciável e olha que tentei muitas e muitas vezes. Já tentou por no google? rs
    Boa sorte no desafio.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O próprio autor respondeu pra gente por twitter. Hahahaha. É Serbek.

      Excluir
  7. Que HQ fantástica! Não conhecia, mas depois da sua resenha já fui correr pra anotar a dica. Adoro uma linguagem mais regionalista mas, claro, quando o autor sabe usar isso de forma coerente e realística. Não tenho problemas com um teor mais forte, então acho que irei gostar bastante dessa hq como um todo.
    Beijos!
    Ps: Não sei pronunciar esse nome também não!!! socorr

    ResponderExcluir
  8. Não conhecia o desafio e fiquei tentando pronunciar o nome... depois fiquei pensando em qual livro eu leria para se encaixar neste quesito... hahahahaha Não sou de ler HQ e nem fantasia d eum modo geral, então não conhecia essa obra, mas fiquei curiosa!!!
    Meu Amor Pelos Livros
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oie!
    Não vou negar que a HQ é bem diferente e chama a atenção pelo trabalho do autor, mas será um título que vou deixar para outra hora. Confesso que não me animei para ler :(
    Bjks!

    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  10. Oi Amanda, eu gosto muito de HQ's, mas confesso que essa não chamou minha atenção, talvez por ter uma linguagem mais complicada já me assusta um pouquinho hahaha, também a trama não me cativou. Mas não irei julgar, porque espero de verdade mais para frente ter uma oportunidade de conferir a obra e quem sabe, mudar de opinião.

    Beijos

    http://lovereadmybooks.blogspot.com.br/2016/02/luz-camera-e-acao-15.html

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Adoro esse tipo de história brasileira e bem regional! Sendo quadrinhos, me pareceu ainda mais bacana, mas confesso que sua ressalva (de ser uma história pesada) me assustou um pouquinho! Mesmo assim, darei uma chance ao livro!
    Quanto aos desafios, esse ano estou em alguns. Um deles é o de ler mais livros de autores brasileiros, o que para mim nunca é um sacrifício, pois adoro prestigiar gente da nossa terra.
    Adorei o desafio de ler um autor de quem você não sabe pronunciar o nome! Kkkkkkkkkk! Bem humorado isso!

    Parabéns pelo post!

    Abraço!

    Karla Samira
    http://www.pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi...

    Não participo de desafios de jeito nenhum. Sou muito desorganizada.
    Admiro quem consegue. ..Parabéns.

    Gente esse nome é impronunciavel. ...hehe

    Ótima resenha. Adorei as fotos também. ..

    Bjs

    ResponderExcluir
  13. Eu estou procurando HQ mesmo com histórias brasileiras. Até li recentemente o Guarani em HQ.
    Achei bem legal a premissa desse e a dica já está anotada.
    Bj
    Camila Bernardini Coelho

    ResponderExcluir
  14. Oiee ^^
    Tentei pronunciar o nome do autor aqui, mas não acho que tenha conseguido...hehe' ainda não conhecia esse livro, mas fiquei curiosa para ler, mesmo não sendo bem o tipo de leitura que eu costumo fazer, e mesmo o livro tendo poucas páginas. Gosto de histórias que acontecem mais para o passado, e com relatos mais crus, como você disse.
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Olá!
    Nossa, que nome difícil hein haha
    Não conhecia o livro, e gostei da ideia de uma história em quadrinhos legitimamente brasileira - mesmo que mostre os lados feios do nosso país.
    Não costumo participar de desafios por ter dificuldade com prazos e seguir ordens de leitura (eu geralmente vou pra estante e pego o que tá me chamando hehe)
    Ótima resenha, e adorei as fotos! Os quadrinhos parecem super bem desenhados.
    Beijos!
    http://addictionforbooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Seja Bem-Vindo,
Interaja conosco, é um prazer poder saber a sua opinião.


Deixe seu link que retribuiremos a visita.
Não serão aceitos comentários ofensivos ou de span.

Volte sempre ♥