Resenha: Teus Pés Toco na Sombra e Outros Poemas Inéditos - Pablo Neruda

20 agosto 2015




Edição: 1
Editora: José Olympio
ISBN: 9788503012508
Ano: 2015
Páginas: 144
Tradutor: Alexei Bueno
Sinopse:
Teus Pés Toco na Sombra e Outros Poemas Inéditos - Um dos maiores acontecimentos da Literatura nos últimos 30 anos, Teus pés toco na sombra reúne 21 poemas inéditos, encontrados recentemente nos arquivos de Pablo Neruda. Datilografados ou escritos à mão em cardápios ou prospectos de companhias aéreas, os poemas neste livro são um precioso acréscimo à obra completa do autor, pois foram escritos por um período de três décadas, tocam todos os temas centrais de sua poesia e vão do poema curto até outros de grande fôlego e extensão. O poeta e diplomata chileno Pablo Neruda é, sem dúvida, uma das mais altas vozes da poesia de todos os tempos. Prêmio Nobel de Literatura, já foi traduzido para dezenas de idiomas no mundo inteiro e é presença garantida em qualquer lista das maiores personalidades literárias do século XX.





Resenha


Olá galera.
Vocês tem ideia da responsabilidade que é resenhar esse livro? Quando terminei a leitura, ainda meio entorpecida por ela pensei:
"Caramba, como se faz pra resenhar Neruda?" Mas, em seguida lembrei que eu não preciso resenhar Pablo Neruda, até porque isso seria tentar descrever o indescritível, o que eu preciso é apenas falar pra vocês sobre a experiência maravilhosa que obtive com essa leitura.

Teus Pés Toco na Sombra e Outros Poemas Inéditos é, como fica claro no título, uma coletânea póstuma de Neruda composta apenas por poemas inéditos. Poemas esses que de alguma maneira se esconderam de Matilde Urrutia, a viúva do poeta que também foi a primeira a pesquisar as obras inéditas e/ou raras do autor logo após a sua morte. É como se esses poemas houvessem se omitido especialmente, para que nos dias de hoje pudessem surpreender aos fãs do autor com esse pedaço, até agora, não desbravado da sua obra.
Os poemas são datados dos mais diversos períodos, indo desde 1950 até pouco antes de sua morte em 1973, escritos em cadernos avulsos, papéis soltos, blocos, cardápios, em suma, Neruda escrevia no que lhe vinha à mão.

O livro é composto por 23 poemas, alguns inacabados, porém não menos belos e tocantes, por esse motivo. Divididos em duas partes: Poemas de Amor e Outros Poemas, publicados tanto em português, quanto em espanhol, a língua pátria do autor. Além dos poemas o livro apresenta ainda, uma Seção de Notas que nos apresentam detalhes sobre cada poema, um a um e uma Edição Fac-Similar composta pelas imagens reais dos poemas originais manuscritos ou datilografados.

O Trabalho editorial da José Olympio está incrível. O design da capa apresenta um estilo  minimalista mesclado ao contraste entre o preto e o amarelo, que atraem para si grande atenção.  A diagramação é a clássica de um livro de poesia, clara e concisa. As folhas são levemente amareladas e possuem uma gramatura maior, facilitando assim a leitura e o manuseio. A revisão do livro está impecável!

É lógico que eu recomendo a leitura, apesar de "Quem sou eu para recomendar Neruda". As poesias são sublimes, singelas, falam conosco. Uma coisa que tenho percebido nos comentários de outras resenhas de poemas, são pessoas falando que não leem poesia, pois tem medo de entender. Meus amores, poesia não se entende, se sente. Permitam-se senti-la e vocês a entenderam. Teus pés toco na sombra é um livro maravilhoso que sem dúvidas encantará os assíduos fãs de Pablo Neruda e conquistará os poucos leitores que ainda não conhecem a obra desse renomado poeta, ganhador do prêmio Nobel de Literatura.

Quero muito agradecer a José Olympio e ao Grupo Editorial Record pela oportunidade por terem cedido o exemplar e me proporcionarem a oportunidade de fazer essa leitura incrível. Espero que todos tenham gostado da resenha.
Beijos e interajam conosco pelos comentários!

13 comentários:

  1. Bela dica! Como boa amante de poesias, é um livro que preciso ter na estante. Dica anotada com muito carinho. Beijos e sucesso!

    Ensaiando

    ResponderExcluir
  2. Ain eu sou amante de poemas, sou tipo encantada, apaixonada etc...
    Amo demais da conta. Espero comprar esse livro logo. Beijos!
    Passa la no blog tem coisinhas novas!
    http://atraspenteadeira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Não curto poemas, então essa dica vou deixar passar =[
    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Bom, não curto muito poesias, mas esse livro foi uma ótima dica.
    Adorei sua resenha e fiquei bem interessada pelo livro, pretendo ler.

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bem?
    Confesso que o livro não me interessou muito. Não sou lá grande fã de poesia e também não conhecia o autor.
    Fico feliz que tenha gostado da leitura.

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  6. Adoro poemas, pois é uma leitura que foge do tradicional.
    Realmente, Pablo Neruda é difícil de descrever, né? E também sentir como foi complicado falar desse livro, que possui tantos poemas de épocas tão diferentes.
    Você me deixou com aquele gostinho de quero mais, e claro, ansiosa para ler ;)
    PS: Adorei a frase 'Poesia não se entende, se sente.' Perfeito <3

    ResponderExcluir
  7. Oi Kris, eu nunca li nada do autor, sempre ouço falarem muito bem dele, mas não sei se eu leria algo dele agora, acho que não estou no momento ainda, sabe? Mas adorei a dica do livro!

    Beijos

    http://www.oteoremadaleitura.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi Kris.
    Eu não curto poemas, então esse livro não é pra mim, por mais que o autor sempre receba críticas positivas essa dica eu passo.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
  9. Kris, Neruda é fantástico.
    Sou uma apaixonada pela escrita dele, mas li poucos poemas dele e quando li foi no original.
    Acho que a Jose Olympio arrasa demais nos tipos de livros que edita.
    Lógico que quero muito ler esse livro.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  10. Olá, Kris!
    Sem dúvida, uma grande responsabilidade, resenhar Neruda, um dos mais importantes poetas de todos os tempos. E uma grande honra também, não é mesmo?
    Principalmente, por se tratar de um "achado" desses.
    Fiquei curiosa e pretendo conhecer a obra!

    Beijos!
    http://fabi-expressoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oi, flor! Adorei conhecer o livro! Nada sabia sobre ele e achei incrível que haja uma obra póstuma que se compõe de poemas inéditos do Neruda. Como não sabia disso antes? Adicione ao fato que estou numa fase de paixão por capas amarelas (rs). Enfim, anotei a dica.

    Beijos.
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. oi ^^ eu sou uma pessoa que não costuma ler poemas, mas o fato de tocar nas pessoas me anima. pq não é todas as coisas que me tocam, mas vc não foi a primeira pessoa a falar isso desse livro.
    achoo que posso gostar da leitura <3
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  13. Oie!!
    Nossa, poemas não são literalmente a minha praia mas, admiro muito quem gosta.
    Muito bacana seu jeito de se referir ao autor.
    Parabéns!!
    ;**

    ResponderExcluir

Seja Bem-Vindo,
Interaja conosco, é um prazer poder saber a sua opinião.


Deixe seu link que retribuiremos a visita.
Não serão aceitos comentários ofensivos ou de span.

Volte sempre ♥