Resenha: Histórias Extraordinárias, de Fernando Bonassi

17 dezembro 2014

Edição: 
Editora: Conrad
ISBN: 8576161028
Ano: 2005
Páginas: 136
SinopseUm menino preso por 30 anos em uma foto escolar. A macumba de uma fã apaixonada por Michael Jackson na periferia de São Paulo. A autorreflexão de um homem que se compara a um cachorro. Neste livro, Fernando Bonassi explora toda a sua capacidade criativa para contar junto com o ilustrador Caeto pequenas histórias extraordinárias.


Minhas opiniões sobre o livro

Bora voltar à Literatura maluca e sensacional.Eu nem sei como começar a explicar este livro.
Ele é formado por três histórias curtas, cheias de um realismo fantástico maravilhoso: O incrível menino preso na fotografia, Vidas Paralelas -A incrível História de Marileide & Michael Jackson e Eu não sou Cachorro.
Destas, a história que mais me prendeu foi Vidas Paralelas -A incrível História de Marileide & Michael Jackson. Mas me prendeu mesmo. A ponto de eu tê-la relido logo após terminar o livro, num dia de chateação, antes de dormir r agora, quando peguei novamente o livro pra resenhar.
É impressionante a construção da história, o modo como em poucas páginas, Bonassi consegue se aprofundar tanto na personagem. Eu torci pela macumba da Marileide, e pra que o Michael Jackson se apaixonasse perdidamente por ela.
As outras duas histórias são basicamente monólogos. Não tem um enredo cativante como a História de Marileide, mas são incríveis textos que estimulam o raciocínio,a pensar sobre as situações absurdas ou não de nossas vidas, sobre um novo prisma, o que é uma coisa que me agrada muito.
O que eu gosto na Literatura Pop, no Realismo fantástico, é que é tudo tão absurdo, mas colocado de uma forma tão banal, que você mal consegue distinguir o real do imaginário. É diferente de fantasia, é algo muito mais complexo, que a todo momento te faz questionar o conceito de sanidade, te faz repensar quem é o louco e quem é o são.
Gostoso foi descobrir que o autor do livro, Fernando Bonassi, é expert neste assunto e já me faz pensar desde pequena, pois é co- roteirista da série "O Mundo da Lua" (amo) e do "Castelo Rá- Tim- Bum - O filme", quer dizer, o cara manja dos paranauê da maluquice.
Mais uma vez as ilustrações me pegaram. Eu sei que parece coisa de criança, mas eu REALMENTE gosto de ilustrações, e as de Caeto são incríveis. Em preto e branco, traços grossos e quase "duros", são imagens impactantes e que ajudam no clima de maluquice, principalmente as do texto "Eu não sou cachorro".
Eu tentei achar fotos decentes das ilustrações do livro na internet, mas não rolou. Então sorry, essa é a câmera do meu celular em ação.

Fuçando na internet sobre o livro, o autor e o ilustrador, como eu sempre faço antes de começar uma resenha, descobri que Caeto tem uma HQ autobiográfica lançada, chamada "Memória de Elefante", que eu espero encontrar e comprar e ler o mais rápido possível, pois me interessou MUITO. (Periguete literária me define. Huahauhauhauhau).
Enfim, este foi mais um dos livros que eu comprei por cincão na feira do livro de Guarulhos do ano passado, que foram muitíssimo bem gastos, pois vira e mexe eu releio este pequeninho e ele  sempre me traz a mesma sensação gostosa de boa leitura.
Digam aí qualquer coisa, porque eu sou carente!
Beijos.

6 comentários:

  1. Olá musa Amanda,
    Falando com a Kris já concordamos que você é diva, ryca e phyna... Já falei que é engraçada e agora acrescento piriguete literária hahahahaha chorei
    Quando vi o título eu pensei que fosse a coletânea de contos do Poe, adoro aquele livro *---*
    Agora acho que tenho outro Histórias Extraordinárias pra me apaixonar haha'
    Tô curioso pra ler esse negócio da macumba! Será que dá certo? Vai ver deu errado e ela matou o Michael kkkkk

    Beijos
    ​​​​​LiteraMúsicas​ | Fanpage
    >>Tá rolando uma ​​​​​Promoção Especial de Fim de Ano​ lá no blog, aproveita!
    >>​​​Já viu a ​​Maratona #SemPararDeLer? Você monta sua própria meta de leitura e ainda concorre a prêmios!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Minino, quero morar nesse mundo aí onde eu sou tudo isso. Huahauhauahua <3
      Obrigada pelos elogios, que bom saber que você gosta das minhas patacoadas.Cace esse livro e leia, é uma delícia, praquelas tardes de ócio.
      Beijos.

      Excluir
  2. Bem legal sua resenha guria, esse livro parece ser "fantástico" hauahua.
    Mas você bem que podia ter tirado mais fotinhas das ilustras né, adoro ver <3
    Mesmo sendo de celular, a gente dá um desconto :P
    Beeeijos | Pretty Things!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mariana, eu bem que tentei, mas ficou uma miséria. Huahauhauahua

      Excluir
  3. poxa, parece ser legal essa leitura, tbm gosto desse surrealismo' presente em obras de literatura pop... Dá pra se identificar com alguns personagens, histórias, situações... heheh

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Val, eu só sei gostar disso. Nunca vi uma pessoa pra gostar de doidera igual eu gosto...

      Excluir

Seja Bem-Vindo,
Interaja conosco, é um prazer poder saber a sua opinião.


Deixe seu link que retribuiremos a visita.
Não serão aceitos comentários ofensivos ou de span.

Volte sempre ♥