Resenha - Terras Metálicas de Renato C. Nonato

13 agosto 2014

Edição: 1
ISBN: 9788576797968
Editora: Novo Século
Ano: 2012
Páginas: 616
Sinopse:
A Última Guerra lavou a atmosfera com uma massa nuclear, tornando-a incapaz de sustentar a vida. Para continuar sobrevivendo, a humanidade precisou se adaptar, isolando-se numa atmosfera artificial: a Esfera, local onde tem se mantido com o passar das gerações. A utopia da sociedade reinou desde então, com a paz sendo mantida com mão de ferro pela Elite. Mas essa paz pode acabar… Raquel é uma recém-formada em primeiro nível na Academia, que passa seu tempo livre entre Saturno – o parque temático da Esfera – e divagações sobre seu sonho de voar. Ao iniciar uma nova etapa de vida, ela vai encarar a cerimônia de implante que pode tornar esse sonho realidade, se a habilidade dos Túneis lhe for conferida. Mas essa nova etapa também vai levá-la por caminhos perigosos… Raquel descobrirá que o IA, responsável por todos os sistemas de sobrevivência da Esfera, está com os dias contados. Como manter a sanidade sabendo que a vida tal qual você conhece está para acabar? Raquel ainda não tem essa resposta, mas vai precisar encontrá-la. E para isso ela precisará, mais do que nunca, da ajuda de seus amigos… Tashi, Tales, Ângelo, Camila, Liceu, Isabela e Nirvana lhe darão sustentação quando tudo o mais na utópica Esfera estiver ruindo.


Minhas Opiniões sobre o livro


Quero começar a minha resenha deixando uma coisa bem clara. Terras metálicas é sem dúvidas uma obra que me faz sentir orgulhosa, não só por ser brasileira, mas por ser parceira desse tão talentoso autor que é o Renato C. Nonato. Com uma escrita limpa e coesa se mostrou um autor nato, não só na maneira de contar a história, mas também na perfeita ortografia e gramática na hora de escreve-la.

Comecei a ler esse livro sem saber ao certo o que esperar dessa leitura, no geral não sou muito fã de obras de ficção científica e tinha medo de achar um livro monótono e muito científico. E “graças ao meu IA” (quem ler/leu o livro entenderá) me enganei redondamente. Dei de cara com um livro interessante, gostoso, cheio de aventura e emoção do início ao fim.
É impossível não se apegar aos protagonistas da nossa estória, não voltar a ser criança e não querer um tashi pra chamar de seu.

O enredo é muito bem elaborado nessa distopia nacional, que é melhor que muita distopia gringa por aí. A estória se passa num tempo futuro na “Esfera” que é literalmente uma imensa esfera de metal localizada no centro da terra e onde habita o que restou da raça humana depois que a última guerra deixou a terra inabitável devido as armas nucleares nela utilizadas.
A Esfera é sustentada por um IA e os seus habitantes ao completarem 13 anos passam por uma cerimônia onde recebem um chip e com ele uma capacidade especial (ou não). Essas capacidades especiais os separa em classes sendo elas Túneis, Sibérios, Bios, Antenas e Exilados. Após a formatura onde os estudantes recebem os seus chips, eles entram para a academia, uma espécie de faculdade onde eles aprenderam a controlar as suas habilidades. E então começa a aventura.

Na esperança de descobrir mais sobre a falha no mainframe, o problema que ameaça o IA, nossa protagonista Raquel, uma garota levada e aventureira, junto com seus melhores amigos: Ângelo, Tales e Camila acabam conhecendo Isabela a neta do homem que controla a Esfera. Isabela apesar da pouca idade é uma sibério bastante poderosa e uma jovem de atitude que tem suas próprias ideias em relação à como proteger a Esfera da destruição iminente. E Juntos essa galera se envolve em altas aventuras e combatem até a Facção, um bando de dissidentes que querem tomar o poder da Elite na esperança de salvar a esfera por seus meios escusos. Tudo isso sempre acompanhados por seus Tashis: Liceu, Nirvana e Tashi que são mascotes na forma de uma esfera de metal flutuante que possuem uma inteligência artificial e uma personalidade própria (me lembraram os robôs do The Sims 3, na função, não na forma). Mas mesmo após a rebelião ser contida a falha no Mainframe persiste e a Esfera e tudo o que ele conhece continua com os dias contados, fazendo com que o livro terras metálicas seja só o começo da aventura.

E que venham as Terras Verdes.

Amei os personagens, me tornei amiga de infância de todos eles. Chorei quando eles sofreram, sorri quando eles venceram, quis dar uns cascudos em alguns no decorrer do livro e ao acabar a leitura do livro fiquei preocupada com outros que não se encontravam muito bem. Meus favoritos foram Ângelo, Isabela e Tashi (mas amo todos).

Pelo que sei o autor já está com o livro dois da série pronto e em busca de editora, então vamos lá editoras, por favor #EuqueroTerrasVerdes !

5 estrelas são poucas eu dou é dez pro livro.




P.S.: Essa é a resenha mais paga pau que eu já escrevi, mas é porque de fato amei o livro.
Agora ele segue no book tour e eu espero que as meninas gostem tanto quanto eu.


My Best Quote
" (...) Quando se consegue entrar na cabeça das pessoas e descobrir o que elas realmente pensam, você descobre que paz é algo meramente exterior. Uma forma que criaturas egoístas têm para se manterem vivas em meio a outras criaturas egoístas." Vitor - página 420
Minha galeria 





7 comentários:

  1. Nossa, que vontade que deu desse livro!!! Eu adoro uma distopiazinha, uma doideira, uma teoria da conspiração viajada, qualquer coisa distante do felizes par a sempre habitual me encanta. Adorei você de baba ovo! Huahuahuahua! Parabéns ao autor, que realizou uma façanha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nem é façanha, hauhauhauha.
      Eu sou uma leitora facinha, mas nesse caso eu gostei muito mesmo.
      Quando meu livro voltar do BT eu empresto ele a tu se tu quiser, espero que tu adore como eu
      é uma aventura tão gostosaa. ~5

      Excluir
    2. Ai, que diliça! Eu vou querer mesmo!!! Huahauhau!

      Excluir
  2. oiii. não conhecia o livro e nem o autor, mas sendo nacional, já fico muito feliz.. mas também não curto muito o genero ficção. sou mais romance mesmo, :)
    beijooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Livro é muito bom, não prenda suas fronteiras literárias é sempre bom ler de tudo.
      Obrigada pela visita e volte sempre :)

      Excluir
  3. que bom que tu gostou da leitura dele :D
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei, Val.
      Acho que tu iria gostar também ^^

      Excluir

Seja Bem-Vindo,
Interaja conosco, é um prazer poder saber a sua opinião.


Deixe seu link que retribuiremos a visita.
Não serão aceitos comentários ofensivos ou de span.

Volte sempre ♥