Resenha - Indesejadas de Kristina Holsson

25 agosto 2014

Edição: 1
Editora: Vestígio
ISBN: 9788582860533
Ano: 2014
Páginas: 400
Tradutor: Sérgio Pereira Couto
Sinopse :
Kristina Ohlsson Crimes brutais marcam um verão sueco. Suécia, meados de um verão chuvoso. O inspetor Alex Recht e sua equipe, auxiliada pela analista criminal Fredrika Bergman, começam a investigar o que parece ser um caso clássico de disputa familiar pela guarda de uma criança. No entanto, quando a menina é encontrada morta no extremo norte da Suécia, com a palavra “indesejada” escrita na testa, o caso se transforma rapidamente no pior pesadelo da equipe de investigadores.





 Minhas opiniões sobre o livro


Indesejadas é com certeza um bom thriller de estreia. Em suas linhas, é facilmente notada a experiência da autora na área de criminologia. Como autora mantém uma escrita clara e firme e um enredo que mantém-se interessante do início ao fim.
Eu escolhi o livro por 3 fatores:
1 Sou fã de livros romances policiais.
2
A capa me chamou muito a atenção; apesar de depois da leitura achar que ela não tem muito a ver com a história (mas não deixa de ser linda, os tons de dourado me tiraram o fôlego).
3 Sou fã do Sergio Pereira Couto devido aos seus próprios livros e por isso quando vi que ele assinava a tradução achei que o livro deveria ser no mínimo interessante e não me arrependi.
O Enredo conta a história de uma investigação densa e eletrizante, onde um psicopata piromaníaco comete uma série de crimes contra crianças. Há leitores que achem que o fato da criança ser achada morta na sinopse foi spoiler, eu não concordo com esse ponto de vista, porque não acho que a morte da criança retratava o maior mistério da história. Desde o início o assassino deixou claro que vai matar e os maiores mistérios são as circunstancias em que o crime acontecerá e se/como ele será pego. Porque uma morte é algo óbvio em livros policiais.
Na minha opinião, a autora poderia ter atentado mais para o criminoso e o seu perfil psicológico, que tinha muito ainda a ser explorado, mas foi um pouco abandonado no meio do livro para voltar à tona apenas no final. No entanto a autora preferiu explorar mais a equipe investigativa, descrevendo-os psicologicamente e nos mostrando detalhes de suas vidas particulares, romances, traumas e etc. Ao longo da leitura ficamos íntimos do inspetor Alex, dos detetives Fredrika e Peder e até mesmo de personagens como a analista Ellen, menos importante, mas não menos elaborada. Esses personagens possuem traços tão particulares que lhes fazem completamente humanos, assim como únicos.

Acompanhamos também no decorrer do livro o desenvolvimento no relacionamento dessa equipe investigativa, que não começa assim tão bem e vai se entendendo e entrosando no decorrer das investigações. Vemos como Fredrika deixa de ser discriminada e passa a ser admirada por seus colegas de trabalho e como a equipe junta soluciona esse mistério de crimes contra crianças e começa até mesmo a derrocada de uma rede de pedofilia internacional.

O livro é muitíssimo interessante, com momentos fortes e eletrizantes e uma onda de mistério que nos envolve até o fim. Em algumas partes achei que a narrativa tornou-se um pouco superficial e poderia ter se aprofundado mais, mas nada que faça a leitura ser menos recomendável. Indesejadas é com certeza uma grande pedida para fãs de Romances policiais.


Galeria





Quotes

— Que bom que você quer me mostrar isso, boneca —Sussurrou ele— Mas nós já conversamos sobre isso. O mais importante não é o que você diz, mas o que você faz. Se eu não souber o quanto você me ama, se você tem que me dizer isso, é porque o nosso amor não vale nada. Estou certo? Pág. 124

Esse livro foi uma cortesia da editora Vestigio através da Pavablog

8 comentários:

  1. tem cara de ser bom, venho flertando com o selo Vestígio há um bom tempo mas ainda não tive chance de ler nenhuma das publicações...
    Amo romance policial, e passados na Escandinávia são melhores ainda rsrsr
    E eu amei a capa, Kris.

    bjs :)
    http://torporniilista.blogspot.com.br/2014/08/uma-incrivel-descoberta-entre-autores.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é bom sim, Val.
      Acho que tu iria gosta visse?
      Adorei a capa, o dourado é lindíssimo!
      Xeroo ~5

      Excluir
  2. Parece ser muito bom, a capa é linda! (:
    Beijos
    http://letterofwinter.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  3. Eu não sei pq, mas nunca peguei livro Policial pra ler assim. Preciso começar a ver issaê...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que tu vai gostar do estilo visse, Amandita. É bem a tua Cara.

      Excluir
  4. Tenho vontade de ler esse livro, mas esse é um gênero que não consigo ler muitos livros seguidos e preciso dar um tempo, não sei porque!

    ResponderExcluir

  5. Os suecos cada vez mais estão consolidando a fama de mandarem bem no suspense. Mais um pra minha lista. Tem tudo para ser ótimo. E parabéns pelo blog.

    O meu é:

    http://porquelivronuncaenguica.blogspot.com.br/2014/04/sete-criancas-que-tocaram-o-terror.html

    ResponderExcluir

Seja Bem-Vindo,
Interaja conosco, é um prazer poder saber a sua opinião.


Deixe seu link que retribuiremos a visita.
Não serão aceitos comentários ofensivos ou de span.

Volte sempre ♥