Resenha Dupla - Para Sempre & Lua Azul (saga Os imortais), de Alyson Noël

29 agosto 2014

Para Sempre
Edição: 2
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788598078625
Ano: 2009
Páginas: 264
Tradutor: Marcelo Mendes
Sinopse:
Ever Bloom tinha uma vida perfeita: era uma garota popular, acabara de se tornar líder de torcida do principal time da escola e morava numa casa maravilhosa, com o pai, a mãe, uma irmãzinha e a cadela Buttercup. Nada no mundo parecia capaz de interferir em sua felicidade, o céu era o limite! Até que um desastre de automóvel transformou tudo em um pesadelo angustiante. Ever perdeu toda a sua família. Mudou de cidade, de escola, de amigos, e agora, além de todas essas transformações em sua vida, ela precisa aprender a conviver com uma realidade insuportável: após o acidente, ela adquiriu dons especiais. Ever enxerga a aura das outras pessoas, pode ouvir seus pensamentos e, com um simples toque, é capaz de conhecer a vida inteira de alguém. É insuportável. Ela foge do contato humano, esconde-se sob um capuz e não tira dos ouvidos os fones do i-pod, cujo som alto encobre o som das mentes a seu redor. Até que surge Damen. Tudo parece cessar quando ele se aproxima. Só ele consegue calar as vozes que a perturbam tão intensamente. Ever não entende o porquê disso, mas é incapaz de resistir à paz que ele lhe proporciona, à sensação de, novamente, ser uma pessoa normal. Ela não faz ideia de quem ou o quê Damen realmente é. Sua única certeza é estar cada vez mais envolvida... e apaixonada.

Lua Azul
Edição: 1
Editora: Intrínseca
ISBN: 9788598078823
Ano: 2010
Páginas: 256
Tradutor: Flavia Souto Maior
Sinopse:
Ever é agora uma imortal. Iniciada nesse mundo desconhecido e sedutor por seu eterno amado, Damen, está empenhada em conhecer e dominar suas novas habilidades, mas algo terrível começa a acontecer. Acometido por uma doença misteriosa que ameaça, inclusive, sua memória, Damen não percebe que seus poderes se estão esvaindo – enquanto Ever se sente cada vez mais forte.

Desesperada para salvá-lo, ela viaja até a dimensão mística de Summerland, onde não apenas toma conhecimento da misteriosa história de Damen, brutal e torturante, mas também tem acesso aos segredos que regem o Tempo.

Com a lua azul que se aproxima, anunciando uma oportunidade única de se projetar para o passado ou para o futuro, Ever é forçada a decidir entre voltar no tempo e impedir o acidente que tirou a vida de toda a sua família ou ficar no presente e salvar Damen, que parece definhar a cada dia.



Minha Opinião sobre o livro

Resolvi fazer uma resenha dupla, porque não gostei dos livros e acho muito complicado escrever resenhas sobre livros dos quais não gostei. Porque não gosto de falar mal de livros e porque respeito muito todos os autores e me dói ser crítica ao sonho deles, porque pra mim, cada livro é um sonho.

Mas, vamos lá...

Eu ainda estou boquiaberta dessa série de livros terem se tornado Best-sellers, na real só reforça a minha tese de que um livro ser muito vendido não significa que ele seja bom, mas que ele teve um bom marketing. E acho que esse foi bem o caso da saga Os imortais.
Não vou mentir que quando peguei o livro estava com grandes expectativas, não estava. Eu achava que seria mais um YA, mais do mesmo de vampiros. Não tinha vampiros (quase parecidos), mas foi mais do mesmo, de menos qualidade, mas ainda assim bem semelhante.

A primeira impressão que o livro me causou foi a de uma Fanfic de Crepúsculo e Diários do Vampiro, tamanhas são algumas semelhanças. Porém achei Ever uma personagem enfadonha, chata, mimada, melodramática e ( no final de Lua Azul, adicionei mais um adjetivo a ela) burra. Já Damen é encantador (como todo mocinho deve ser), lindo, inteligente e com sua pitadinha de sarcasmo e ironia (tipo seu "quase" homônimo Damon de TVD), só que sua personalidade oscila tanto no decorrer da história que depois de um tempo ficou meio complicado visualiza-lo como um gatinho de dezessete anos. Em alguns momentos ele era bem irresponsável e no momento seguinte falava como um senhor de quarenta e sete anos. Mas, ainda assim era um personagem bom.


Alguns dos personagens secundários foram que me fizeram ter vontade de ler o livro até o fim, eles foram Miles, o amigo gay de Ever, que tem umas tiradas bem engraçadas e é quem anima o livro Para Sempre e Riley, a irmã mais nova fantasma de Ever, que é bem louquinha e divertida. Já no segundo livro eu não tive essa sorte, porque Miles perdeu a sua graça e Riley partiu pro além. Curti também as referencias da autora a musicas do Evanescence.

A mistura da leitura de auras, com alquimia e Summerland é tão mirabolante que não me convenceu muito. A escrita do livro é um pouco arrastada, do tipo que se usam três capítulos para descrever todas as qualidades de Damen. 

Quando eu conclui a leitura de Para Sempre, achei o livro meio fraco, os personagens meio sem tanta graça e a história bem mirabolante, mas até aí tudo bem, é um livro de fantasia para adolescente, isso é normal. O enredo acabou, bonitinho, fechadinho, a vilã morta, o casal junto, todos os conflitos resolvidos, o típico felizes para sempre, se tivesse parado por aí tava ok.
Mas aí teve um segundo livro, mesmo com a autora não tendo deixado nenhum gancho pra isso.
Porque não ficou nenhuma ponta solta (digna de ser chamada de gancho) pra uma sequência, a impressão que eu tive, foi que como o primeiro livro vendeu bem, resolveram pegar o embalo da história e lançar outros.

E ai é que o negocio que já não era muito bom desceu ladeira abaixo, porque o segundo livro é irritante. Ever sendo perseguida pelo imortal do mal, que mesmo podendo se vingar decepando a cabeça dela e enfiando numa estaca (no melhor estilo GOT), prefere se vingar colocando toda a escola pra fazer Bullying contra a mocinha.
Tá bom que em Lua Azul a autora estudou um pouquinho mais sobre magia (mais só um pouquinho, mesmo) porque o contexto da lua azul ficou direitinho, o simbolismo das pedras, mas aí ela dá mais uma "viajada" colocando que as ervas pro feitiço precisavam ter sido cuidadas por freiras cegas da índia. (tem dó)
E no fim, saí a pior das coisas do livro que é quando ela mistura DNA, ALQUIMIA, DOR DE COTOVELO e uma dose cavalar de BURRICE, fazendo com que a história entrasse no meu TOP 1 de pior fim de livro. Em Lua Azul ela deixou um gancho pra sequência, o pior gancho de livro que eu já vi na vida, mas deixou. Eu fico até imaginando o seguinte.

Não me entendam mal, não sou da vertente de leitores que não gostam de YA, eu gosto! Curti a saga Crepúsculo (me julguem - heuheuhe) e da saga Os instrumentos Mortais só que comparando a essas mesmas sagas que são clássicas desse gênero, eu achei a qualidade do livro da Alyson inferior.
Não sei se continuarei lendo a saga (provavelmente, não), mas pode ser que a curiosidade me faça ir até o fim pra ver se a autora encontra a mão e termina essa história de uma forma digna.

Vou dar dois corações, um pra cada livro.


  2 beijos!

4 comentários:

  1. Kris, nada pior que leitura ruim. Não sei como você consegue ir até o fim, eu abandono merrrrmo!
    E sim, eu te julguei pelo Crepúsculo! Huahuahua! :-p

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, tenho TOC de não saber o fim das coisas, se eu abandono um livro no meio fico com ele na cabeça, me assombrando.
      Hauhuha É comum me julgarem por crepúsculo, mas não vejo porque mentir como algumas pessoas que eu conheço que eram fãs, mas hoje em dia tem vergonha. Na época que eu li, curti sim, a história de vampiros brilharem é ridícula, mas o livro tem alguns pontos positivos. Pra adolescentes é legal, sim.
      Os filmes são piores. kkkk

      Excluir
  2. é, pelo jeito vou passar longe MESMO desses livros... rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  3. Esta não é a primeira resenha que leio onde o leitor não indica este livro, até desisti de incluir o primeiro livro na minha lista haha
    Foi muito bom conhecer sua opinião. Realmente, quando o primeiro livro acaba sem deixar pontas soltas, mas há continuação, passa mesmo a impressão de que a autora está escrevendo por dinheiro. Não fiquei com vontade de ler, parece ser mesmo uma leitura cansativa e irritante.
    beijos ♥
    nuclear--story.blogspot.com.br | Está rolando um sorteio lá no blog de um livro nacional incrível, para dois ganhadores aqui!

    ResponderExcluir

Seja Bem-Vindo,
Interaja conosco, é um prazer poder saber a sua opinião.


Deixe seu link que retribuiremos a visita.
Não serão aceitos comentários ofensivos ou de span.

Volte sempre ♥