Resenha - O Morro dos Ventos Uivantes - Emily Brontë

19 janeiro 2014

Título: O Morro dos Ventos Uivantes
Autor: Emily Brontë
ISBN: 8533204493
Editora: Abril Cultural
Ano (edição): 1982
Páginas: 311
Sinopse:
O morro dos ventos uivantes, o pai de todos os romances góticos, é daqueles clássicos que ficam na memória tanto pela história de amor exagerado, grande demais, que não diminui em nada com o passar dos anos, como pela sequência quase inacreditável de infortúnios que acontece aos amantes.

Heathdiff: o menino misterioso e sombrio, selvagem e inculto que foi trazido para casa não se sabe de onde;
Catherina: a garota geniosa e muita bela que usa de seu charme para seduzir todos com quem convive;
Linton: o filho da família vizinha, refinado e bem-educado, que aos poucos de envolve com os moradores da propriedade isolada nas charnecas do norte da Inglaterra.

Entre mesquinharias, humores, covardia, traições e crueldade - muitas crueldades nas relações que tem entre si - as duas famílias entrelaçam seus destinos de maneira duradoura e misteriosa, surpreendendo os leitores com o que fazem uns aos outros por amor é ódio. 

Minha opinião sobre o livro:

É um dos meus livros favoritos, pelos mais diversos motivos, um dos principais é a maneira em que a autora (contra tudo na sua época) explora o lado negativo dos protagonistas.
Catherina diferente de qualquer mocinha que já existiu, é linda, porém nem um pouco doce. Muito pelo contrário ela usa a sua beleza para conquistar aquilo o que quer talvez a única coisa boa que exista no caráter dela é o amor por Heathcliff.
Acho que é por isso que eu gosto tanto dela, em minha opinião é uma personagem humana, ambiciosa que foge dos padrões literários e parte para os padrões da realidade.
Pergunte-se a si mesmo, quantas mulheres você conhece de beleza estonteante que não use essa qualidade em benefício próprio?
Já Heathcliff se possuía alguma bondade essa se foi ainda na infância devido a todo o sofrimento que passou. Tornou-se um homem amargo e cruel, que após partir alimentando ódio e desiludido sentimentalmente, volta querendo vingança e põe a sua vontade em prática.
Isso também não é algo comum a um protagonista literário, porém na vida real esse é um sentimento bem comum.
O amor entre os dois é cheio de desencontros. O clássico caso de amor platônico. Catherina se casa com Linton por interesse e por isso Heathcliff parte, voltando mais tarde com sua vingança avassaladora, destruindo tudo o que toca. E ao invés desse reencontro reaproximá-los os afasta mais ainda.

Talvez seja esse o principal fator, para que algumas pessoas não gostem do livro. E principalmente após a veiculação que aconteceu dele com a saga crepúsculo, que acabou jogando adolescentes apaixonadas por vampiros fosforescentes de cara com um livro que aborda amor, ódio, traição, vingança, morte e loucura. Não era de se esperar outra coisa, os dois estilos de literatura são muito distintos, um beira a fantasia enquanto o outro é um choque de realismo. Certo dia li uma resenha, onde a autora mencionou  que a Meyer escrevia melhor que a Brontë (prefiro nem comentar sobre essa comparação, apesar de que acho que seja clara a minha opinião). Não tenho nada contra a Stephanie Meyer, ou contra a Saga Crepúsculo, só realmente não acho que haja fundamento para comparações sem nexo com o morro dos ventos uivantes.

O cenário descrito no livro é algo surreal, pelo menos para mim, não consegui não me transportar para Inglaterra e sentir um pouco o vento da charneca soprar o meu rosto, em diversos momentos eu fui Catherina da mesma forma que senti a dor de Heathcliff por diversas vezes. O Livro é rodeado por uma aura de mistério que te faz oscilar se perguntar se aquilo é realmente algo fantástico ou é simplesmente loucura.

Eu com certeza indico o livro, porém se você é do tipo leitor que busca um amor doce e personagens encantados dos quais não há como não gostar, não leia! Pois o livro apresenta totalmente o oposto, personagens com características reais, medos, defeitos, qualidades e futilidades.

E é por isso que ele tornou-se um clássico, pois ele marcou o seu tempo.

Quotes 
Não sei expressar-me; mas, sem dúvida, você e todo mundo têm noção de que há ou deverá haver uma existência para além de nós. Qual seria o sentido de eu ter sido criada, se eu tivesse contida apenas em mim mesma? Os grandes desgostos que tive foram os desgostos de Heathcliff e eu senti cada um deles desde o início: o que me faz viver é ele. Se tudo o mais acabasse e ele permanecesse, eu continuaria a existir; e, se tudo o mais permanecesse e ele fosse aniquilado, eu não me sentiria mais parte do universo."
 Se olho para essas lajes, vejo nelas gravadas as suas feições! Em cada nuvem, em cada árvore, na escuridão da noite, refletida de dia em cada objeto, por toda a parte eu vejo a tua imagem! Nos rostos mais vulgares dos homens e mulheres, até as minhas feições me enganam com a semelhança. O mundo inteiro é uma terrível testemunha de que um dia ela realmente existiu, e eu a perdi para sempre."

18 comentários:

  1. Eu tenho esse livro...Já tentei ler duas vezes e abandonei.Comprei ele porque na capa tem um eblema gigante que dizia ser o livro favorito de Bella e Edward de crepúsculo(quando eu era fã) e talvez isso tenha feito eu esperar muito do livro que eu simplesmente ODIEI.
    Sério eu perdi 25 reais nesse livro idiota ¬¬ não gostei mesmo...E acredite não sou do tipo que abandona leituras tão facilmente...Não sem depois voltar u.u
    Beijos

    http://simsomosinfinitos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra mim essa capa com emblema de crepúsculo é a mais vergonhosa. Mais ainda porque faz gente em busca de um amor fantasioso como o da saga crepúsculo acabar comprando o livro e encontrar uma realidade que não quer ver.
      Crepúsculo é uma série adolescente, o morro dos ventos uivantes é um livro para mentes mais maduras.

      Excluir
  2. Oi Kris, tudo bem???
    Ainda vou ler seu conto, ainda tive tempo rs.
    Menina que resenha maravilhosa foi essa? Acredita que nunca tive interesse de ler esse livro? Mas por preconceito meu mesmo... e ao contrário do que as pessoas "começaram a procurá-lo" por ele ter sido citado na saga crepúsculo, eu não quis nem ler, porque se trata de literatura e assim como algumas brasileiras de tempo de escola eu não curtia, imaginei que com esse seria o mesmo... Mas a sua resenha me fez pensar totalmente ao contrário... fiquei com uma imensa vontade de ler e vou colocar na minha lista de desejados para que assim que puder comprar... Eu acho que esse negócio de comparar ou dizer que um é bom ou é ruim porque foi citado na saga é coisa boba das pessoas... porque cada escritor escreve sua obra de uma forma mesmo que essa tal obra seja semelhante, o que não vem ao caso desta que não tem nada haver com crepúsculo... mas enfim... falei demais... Parabéns por expor seu pensamento sincero e amei de verdade a resenha...
    Ah peguei um quote e coloquei no meu face rs.
    Xero!!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É As vezes os professores nos "obrigam" a ler alguns livros e acabam assim nos fazendo odiá-los, quem lá gosta de ler obrigado, né?
      Depois quero saber o que você achou do meu conto e fico feliz que tenha gostado da resenha, beijos ♥

      Excluir
  3. Olá! Uma ótima semana a você querida! Agradeço muito por comentar em meu blog e seguir! Amei seu blog e já estou seguindo! Beijos

    http://avivenciadegrazi.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Tenho muita vontade de ler este livro, concordo com você "O Morro dos Ventos Uivantes" é mesmo um clássico, achei linda essa versão de capa.
    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia, não vai se arrepender (eu espero, rsrsr), eu adoro livros com capas antigas :)

      Excluir
  5. Eu li este livro quando ainda era uma menina, tinha 12 anos, acho eu. E até hoje me lembro das dores dos personagens, preconceito, amor não correspondido. Era uma tradução mal feita, mas marcou. Por isso também amo muito a música da Kate Bush, de mesmo nome do liveo (em inglês, é óbvio). Tudo me faz retornar a uma época em que ler era realmente um prazer para muitos.

    Um beijo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O livro é marcante mesmo, não conheço essa música da Kate, vou procurar, obrigada pela visita :)

      Excluir
  6. quem foi o ASNO QUE falou que Meyer escreve melhor que Brontë O.o
    que HERESIA. vou queimar uma criatura dessas na fogueira.

    Amei tua resenha, e concordo com teu comentário acima, Kris. A capa que faz propaganda de CreCUsculo é uma desgraça. Eu sei que tu não tem nada contra a autora, mas eu tenho tudo kkkkkkkkkkk
    Ventos uivantes é um dos meus livros preferidos, entra fácil num TOP 5 da minha vida... me identifico demais com Heathcliff, acredita rsrsr

    bjs, flor
    http://torporniilista.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, eu vi isso numa "resenha" do skoob acho que se tu vasculhar lá tu acha, é uma meio antiguinha rsrsrs, mas bem coisa de pirralha. Só da raiva porque a pessoa pensa: "ó o futuro da nação", rsrsrs
      Fiquei feliz que gostou Val ♥

      Excluir
  7. livro idiota O.o a menina falou livro IDIOTA no coment acima O.O
    eu li direito isso O.O

    tsc tsc...
    vou nem falar nada...

    ResponderExcluir
  8. Já li esse livro, mas faz tempo, porém ainda tenho algumas lembranças dele e realmente ele não tem nada a ver com a Saga Crepúsculo, porém o motivo para que eu comprasse foi a saga e não me arrependo em momento nenhum. O livro como você disse ele é super diferente e a Catherina é demais ela não é aquela menininha toda fofinha e sim uma mulher super revoltada o que me fez identificar com ela (hahaha)
    Adorei a resenha!
    Beijinhos
    4 You Books

    ResponderExcluir
  9. Eu tenho uma vontade enorme de ler esse livro! Eu curto bastante esse negócio de romances impossíveis, amores platônicos. Eu espero que o final do livro seja bem TRISTEEEEEE mesmo porque eu gosto é assim.
    Abraços,
    http://www.cronicasdeumdelirante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. KKKKK medo de você ítalo!
      Então leia que você não se decepcionará!

      Excluir

Seja Bem-Vindo,
Interaja conosco, é um prazer poder saber a sua opinião.


Deixe seu link que retribuiremos a visita.
Não serão aceitos comentários ofensivos ou de span.

Volte sempre ♥