Amar!

Eu quero amar, amar perdidamente!
Amar só por amar: Aqui... além...
Mais Este e Aquele, o Outro e toda a gente
Amar! Amar! E não amar ninguém!

Recordar? Esquecer? Indiferente!...
Prender ou desprender? É mal? É bem?
Quem disser que se pode amar alguém

Handiedan


O
g>i gente, hoje irei mergulhar um pouco no mundo da arte. Vou sobre a obra de um artista que muito me encanta. Handiedan (Hanneke Treffers) é um artista de Amsterdã que usa em suas obras uma mistura de delicado corte e colagem da mesma maneira que mescla  a antiguidade ao contemporâneo. 
Ele cria uma combinação minuciosa de Pin Up's Clássicas, imagens de filmes, selos, tintas de parede ou de canetas, cartas de jogos, papéis de parede, folhas antigas, partituras amareladas, madeira velha, metais enferrujados ou qualquer coisa que lhe venha às mãos e se encaixe em sua arte.


Tantas misturas podem lhe levar a acreditar num resultado horroroso e que deixa a desejar mais não se engane.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...